13/03/2017

OPINIÃO | AS CINQUENTA SOMBRAS MAIS NEGRAS [FILME]

O filme mais esperado do ano para todos os fãs da trilogia "As Cinquenta Sombras" chegou finalmente aos cinemas no passado dia 09 de Fevereiro!

Sou fã desta história e por isso estava muito entusiasmada por este filme, visto que já tinha adorado o primeiro. Tive a oportunidade de o ver três vezes, portanto sinto que estou finalmente preparada para falar sobre ele.

★★★★

Devo começar por dizer que se não gostaram do primeiro filme dêem uma oportunidade a este. A fotografia é incrivelmente bela e para se juntar a ela temos uma banda sonora de se lhe tirar o chapéu - quem conhecer bem a história e ouvir a banda sonora consegue fazer a ligação com o enredo e as personagens (tal como no primeiro filme).


Os atores principais - Dakota Johnson e Jamie Dornan - evoluíram tanto deste o primeiro filme e a interpretação das suas personagens foi simplesmente incrível. Nota-se um maior à vontade, a química entre os dois é muito maior e percebe-se que compreenderam mesmo o que são aquelas personagens. Agora sim vejo a Anastasia Steele e o Christian Grey e não tenho dúvidas que não poderiam ter escolhido melhores atores. Neste filme também ficamos a conhecer novas personagens: Jack Hyde interpretado por Eric Johnson, Leila Williams interpretada por Bella Heathcote e Elena Lincoln interpretada por Kim Basinger. O que posso dizer é que acertaram em cheio na escolha de atores - não conhecia o trabalho de nenhum dos três, mas conseguiram-me surpreender dando vida a estas personagens tal e qual como eu imaginava.

Outro aspecto, que para mim é dos mais importantes, é o facto de estar tão fiel ao livro (mais do que no primeiro filme). Acho que já está na altura das pessoas perceberem que isto é uma ADAPTAÇÃO cinematográfica da trilogia, nunca poderia ser tudo exactamente igual - é óbvio que existem coisas que foram alteradas e existiram cenas que adorei a maneira como foram resolvidas para o filme, gostando mais do que no próprio livro.


Está um filme extremamente bem conseguido, que te faz passar por vários estados. É sexy, divertido e muitas vezes de tirar a respiração. Vemos um Christian Grey diferente, muito mais sorridente e realmente apaixonado. Sim, digam o que disserem, é uma história de AMOR. E nele podemos ver o quanto o amor pode mudar uma pessoa.

Li várias críticas ao filme e à história do mesmo e preciso mesmo de falar sobre algumas coisas que li. Primeiro ver críticas de pessoas que são efectivamente críticas de profissão, a falar sobre o filme sem o mínimo de conhecimento da história, ou seja, sendo um filme baseado num livro acho importante, mesmo não tendo lido o livro, fazer uma pesquisa sobre o mesmo acho que é o mínimo. Segundo, ver pessoas ainda a insistir para as pessoas não verem o filme nem lerem o livro porque é um incentivo à violência domestica e que a Anastasia é uma mulher fraca que faz as coisas por ter medo do Christian. O BDSM não foi uma coisa inventada pela EL James, é um estilo de vida que MUITA gente pratica, só que até esta trilogia fazer sucesso talvez fosse um assunto tabu. Praticar BDSM não consiste em violação ou violência, quem o pratica é porque quer e tem o seu consentimento. Ao longo dos três livros, o Christian NUNCA faz nada que ela não queira e nunca pratica violência sobre ela, para não falar que a Anastasia é tudo menos uma mulher fraca. Quem leu sabe disto perfeitamente e ainda me faz muita 'comichão' ver pessoas a falarem sem terem o mínimo de conhecimento sobre as coisas. A última coisa que tenho mesmo de falar é o criticar antes de ver/ler só porque falamos de um filme "comercial". Acho que comercial não é sinónimo de mau, mas ainda há muitos a ver desta maneira. Era óbvio que este filme ia fazer um sucesso tremendo se formos a pensar nos milhões de fãs em todo o mundo - não é por isso que tem de ser colocado na categoria de filmes "a não ver".


Resumindo e concluindo, ADOREI este filme. E não me importava de o ver mais umas quantas vezes. Agora é esperar pelo terceiro - "As Cinquenta Sombras Livre" - que está previsto estrear dia 08 de Fevereiro de 2018 em Portugal.

Quando foste embora, eu jurei que iria parar se fosse isso que te trouxesse de volta.


Sem comentários:

Enviar um comentário